segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Usando Variáveis de Ambiente no Delphi

Amigos, aqui na empresa achamos uma boa solução para padronizar a saída dos executáveis e das DCUs dos projetos.

O problema reside no fato de usarmos o SVN para gerenciar os projetos. Gostaríamos que o exe e os DCU ficassem de fora dos diretórios de trabalho.

A solução foi utilizar as Variáveis de Ambiente do Windows, característica pouco explorada pelos programadores.

http://technet.microsoft.com/pt-br/library/cc668471.aspx

Portanto, criamos uma variável de ambiente, DIRBINCS, e no Delphi, em Project\Options\Delphi Compiler e configure os diretórios conforme o exemplo abaixo:



Observe que com a opção Default marcada, as configurações serão usadas nos projetos futuros.

Forte abraço,

2 comentários:

silvioclecio disse...

E aí Mário, beleza? :)

Cara uma vez eu vi os caras falando sobre variáveis de ambiente, mas fiquei boiando, daí corri atrás e achei umas referências em inglês, no final eu acabei resolvendo um probleminha que eu tinha com o Zeos, que se não tiver tudo configurado direitinho... ih, é dor de cabeça na certa.

Hoje uso a "${ZEOS}" finalmente meus "probremas se acabaram-se" :)

Falows cara, ótima postagem.

Silvio Clécio

Gedean Dias disse...

Eu também utilizo o SVN, mas para deixar de fora os executáveis, DCUs, relatório de Memory Leaks do FASTMM4 e arquivos temporários eu coloco no Global Ignore Pattern: *.dcu *.~* *.exe *_MemoryManager_*.txt

Minha lista de blogs